Segunda, 23 de setembro de 2019
Mato Grosso do Sul - (67) 99257-6730
Esportes

12/09/2019 às 09h27

412

Redacao

Ponta Porã / MS

Athletico-PR vence Internacional e sai na frente na final da Copa do Brasil
A decisão da Copa do Brasil acontece na próxima quarta-feira no Beira-Rio
Athletico-PR vence Internacional e sai na frente na final da Copa do Brasil
Athlético e Inter fizeram ontem a primeira partida da decisão da Copa do Brasil

O Athletico-PR saiu em vantagem na decisão da Copa do Brasil contra o Internacional, nesta quarta-feira. Jogando na Arena da Baixada, a equipe da casa bateu o Colorado por 1 a 0 na partida de ida da final do torneio.


Pressionando os visitantes e controlando mais as ações da partida, o Furacão abriu o placar aos 12 minutos da 2ª etapa, em belo gol do volante Bruno Guimarães, após troca de passes com Marco Ruben. O tento foi o único do confronto e deu a vantagem para os paranaenses na volta.


A decisão da Copa do Brasil acontece na próxima quarta-feira, também às 21h30 (horário de Brasília), no Beira-Rio em Porto Alegre. Para ficar com o título, o Internacional precisará vencer por dois gols de diferença, enquanto o Athletico-PR joga pelo empate. A competição não conta com o critério de gol fora de casa, logo, se o Colorado vencer por diferença de um gol, a taça será decidida nos pênaltis.


1º tempo


Jogando em casa, o Athletico-PR reteve mais a posse da bola na primeira etapa e tentou pressionar a equipe gaúcha. Apesar de passar mais tempo no campo do adversário, o Furacão finalizou na mesma quantidade que o Inter; 4 a 4, sendo que os mandantes não acertaram o gol, enquanto os visitantes conseguiram duas vezes.


Aos 12 minutos, o Inter teve sua principal chance. Em lançamento de D’Alessandro, Nico Lopez recebeu livre na ponta esquerda da área e bateu cruzado para fora do gol. Um minuto depois, os mandantes chegaram à sua finalização mais perigosa. Após bela construção coletiva, a bola sobrou para Rony na entrada da área. O atacante pegou de primeira com firmeza, mas a bola passou à esquerda do travessão colorado.


Na segunda parte da etapa inicial, as equipes conseguiram se neutralizar pela maior parte do tempo e consequentemente foram menos agressivas aos gols adversários. O Athletico-PR continuou rondando a área colorada, mas com menos efetividade que nos minutos iniciais.


2º tempo


Impondo a mesma pressão, o Athletico-PR seguiu tendo mais a bola e comandando as ações no 2º tempo, mas com uma diferença: os mandantes acertaram o pé na tabela ao redor da área e chegaram ao gol.


Aos 12 minutos, Marco Ruben recebeu na faixa esquerda do ataque e tabelou com Bruno Guimarães. O último passe do argentino não saiu tão preciso, mas após corte parcial de Moledo, a bola sobrou para o volante pegar de primeira e estufar as redes. Chute no ângulo direito da meta colorada para um belo gol do camisa 39, seu décimo com a camisa do Furacão.


Depois do gol, o Inter desperdiçou chance dentro da área aos 25 minutos. Dois minuto depois, Rony fez bela jogada individual, passando três marcadores e arriscando da entrada da área. O chute veio forte no centro do gol e Lomba conseguiu espalmar para evitar o segundo. A partida terminou com a vantagem parcial do Athletico, que agora poderá jogar pelo empate em Porto Alegre.


FICHA TÉCNICA


ATHLETICO- PR 1X0 INTERNACIONAL


Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)


Data: 11 de setembro de 2019, quarta-feira


Horário: 21h30 (de Brasília)


Árbitro: Raphael Claus (SP)


Assistentes: Rodrigo Figueredo Henrique Correa (RJ) e Neuza Ines Back (SP)


VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)


Cartões Amarelos: Nikão, Wellington e Khellven (Athletico-PR)


Gols: Bruno Guimarães, aos 12 minutos do 2º tempo para o Athletico-PR


Público: 39.772


ATHLETICO-PR: Santos; Khellven, Bambu, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington, Bruno Guimarães e Léo Cittadini (Thonny Anderson); Nikão, Rony (Lucho González) e Marco Ruben (Marcelo Cirino).


Técnico: Tiago Nunes


INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Bruno, Moledo, Cuesta e Uendel; Lindoso, Edenílson (Nonato), Patrick, D’Alessandro (Rafael Sobis) e Nico López (Wellington Silva); Guerrero.


Técnico: Odair Hellmann

FONTE: Gazeta Esportiva

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium