Sábado, 19 de Junho de 2021
Mato Grosso do Sul (67) 99257-6730
Cidades Cidades

Câmara de Dourados aprova LDO para o exercício 2022

A LDO é usada para estabelecer metas da administração pública

08/06/2021 09h17
130
Por: Redacao
Em sessão remota, os vereadores de Dourados aprovaram os oito projetos de lei presentes na pauta de votação desta segunda-feira - Foto: Divulgação
Em sessão remota, os vereadores de Dourados aprovaram os oito projetos de lei presentes na pauta de votação desta segunda-feira - Foto: Divulgação

Em sessão remota realizada nesta segunda-feira (7), a Câmara Municipal de Dourados aprovou, em 1ª discussão e votação, o Projeto de Lei Nº 046/2021, que dispõe sobre a LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) para o exercício 2022. O PL, de autoria do Poder Executivo, fixa diretrizes para a peça orçamentária, detalhando despesas do município para o próximo ano.

A LDO é usada para estabelecer metas da administração pública e como base para elaborar o orçamento, que é definido por meio da LOA (Lei Orçamentária Anual). O projeto precisa ser votado, em primeira e segunda discussão, contendo as emendas dos vereadores, ainda no primeiro semestre deste ano e todas as sugestões precisam estar em consonância com o PPA (Plano Plurianual). Em caso de aprovação, a proposta com as emendas segue para sanção ou veto do prefeito.  O montante consolidado do orçamento será encaminhado em outro projeto de lei do Executivo, baseado nessas diretrizes definidas, o qual deve chegar à Casa de Leis até 15 de outubro.

Em regime de urgência, a Câmara de Dourados também aprovou o projeto de lei Nº 075/2021, de autoria do Poder Executivo, que cria dispositivos à Lei Nº 3.990, de 20 de maio de 2016, que trata da contratação de profissionais médicos para atuar no sistema público de saúde do município.

Também em regime de urgência, os vereadores apreciaram ainda o projeto de lei complementar Nº08/2021, de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre a concessão de benefícios através do programa habitacional “Casa Verde e Amarela”, que recentemente substituiu em âmbito nacional o programa “Minha Casa, Minha Vida”. Na prática, a proposta prevê a concessão de incentivos fiscais, através da isenção de impostos e taxas, como IPTU, ISSQN, ITBI, Habite-se, alvarás de construção e licenciamento ambiental, aos novos beneficiários do programa “Casa Verde e Amarela” e aos contribuintes que já haviam adquirido seu imóvel através do “Minha Casa, Minha Vida”.

Em primeira discussão e votação, os vereadores de Dourados também aprovaram os projetos de lei, de autoria do vereador Mauricio Lemes (PSB), que denominam  rua João Candido de Souza a rua Corredor Público 14, localizada no Loteamento Sitiocas Campo Belo I e II; avenida Alberto Annanias Moreira, a avenida I, localizada no Loteamento no Distrito Industrial; rua Algacir Pereira de Matos, a rua Corredor Público G, localizada no Loteamento Sitiocas Campo Belo I e II; e rua Cezar Luiz Senatore, a rua Corredor G, localizada no Loteamento Residencial Pelicano e Jardim Piratininga. 

Já em segunda votação, a Câmara aprovou o projeto de Lei Nº 072/2021, de autoria do Poder Executivo, que cria o Programa Especial de Adimplemento Habitacional no âmbito da Agência Municipal de Habitação de Interesse Social do Município.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ponta Porã - MS
Atualizado às 22h17 - Fonte: Climatempo
Muitas nuvens

Mín. 13° Máx. 15°

° Sensação
13.8 km/h Vento
97.1% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. Máx. 17°

Sol com muitas nuvens
Segunda (21/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 13° Máx. 21°

Sol com muitas nuvens e chuva
Anúncio
Ele1 - Criar site de notícias