Sexta, 26 de Fevereiro de 2021
Mato Grosso do Sul (67) 99257-6730
Esportes FUTEBOL

Cássio nega ser maior goleiro da história do Corinthians

Atual titular do gol corintiano exalta clube em evento de livro biográfico

28/01/2020 08h33 Atualizada há 1 ano
1.548
Por: Redacao Fonte: Gazeta Esportiva
Cássio é o segundo goleiro com mais partidas pelo Corinthians. (Foto: Tiago Salazar)
Cássio é o segundo goleiro com mais partidas pelo Corinthians. (Foto: Tiago Salazar)

Cássio teve mais uma noite para guardar na memória com muito carinho. Nesta segunda-feira, em evento realizado no Museu do Futebol, no Pacaembu, o goleiro do Corinthians teve um livro biográfico lançado pelo historiador e comentarista esportivo Celso Unzelte. Em entrevista, o arqueiro não escondeu sua gratidão pelo Alvinegro e negou ser o maior da posição.

“É minha nona temporada do Corinthians. Tudo que tenho hoje devo a esse clube. Sou grato ao Andres, ao Carlos Leite, pessoas que apostaram em mim e que levaram muita pancada (risos). Minha melhor forma de retribuir é me doando ao máximo. Tenho muita vontade de vencer, conquistar novos títulos, repetir algumas conquistas”, comentou.

Segundo goleiro com mais jogos com a camisa corintiana e detentor de nove títulos no clube (uma Libertadores, um Mundial, quatro Paulistas, uma Recopa Sul-Americana e dois Brasileiros), o número 12 nega o que sugere o nome da obra: “Cássio, o maior goleiro da história do Corinthians”.

“Acho que o Ronaldo Giovanelli é o maior goleiro, por ter vindo da base e conquistado títulos pelo time principal. A gente que é da posição sabe como isso é difícil. Ele é uma referência. Independente dos números, eu continuo respeitando ele demais”, revelou.

Prestigiado por companheiros de profissão, como Vagner Love, Walter, Matheus Donelli, Caíque França, Tiago Nunes e sua comissão, Cássio não escondeu a felicidade de ter uma biografia sua lançada e que só terá noção do feito após parar com a carreira.

“Nem nos meus melhores sonhos eu ia imaginar isso tudo que aconteceu comigo. Eu trabalhei, me dediquei, passei momentos bons e ruim e jamais imaginei que chegaria onde eu cheguei. Isso é uma motivação a mais, crescer, evoluir como profissional, atleta, pessoa. É um sonho que eu só vou dar conta depois que eu parar minha carreira”, finalizou.

Ao todo, o “Gigante”, como é carinhosamente chamado pelo torcedor alvinegro, tem 440 jogos com o Timão e contrato até o fim de 2022. O atleta de 32 anos precisa de mais 162 partidas pelo Timão para se tornar o goleiro com mais partidas à frente do clube.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
-
Atualizado às 20h00 - Fonte: Climatempo
°

Mín. 21° Máx. 32°

° Sensação
km/h Vento
% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (27/02)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Domingo (28/02)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias